Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘argentina’

– Uma TV israelense levou ao ar um programa “humorístico” blasfemo, no qual eram ofendidos Jesus e Maria. A Santa Sé protestou imediatamente; o Estado de Israel aquiesceu ao pedido do Vaticano e censurou o programa de televisão. As relações entre o Vaticano e Israel parecem ir bem.

– O Governo da Argentina expulsou Dom Williamson do país; em todo o mundo, líderes judaicos comemoraram. Segundo o presidente do Congresso Judaico Mundial, Ronald Lauder, a decisão é louvável “porque o governo argentino deixa muito claro que os negadores do Holocausto não são bem-vindos no país”, mas, segundo as autoridades argentinas, o motivo da expulsão foram problemas com o Ministério do Interior; o bispo teria declarado “ser um empregado administrativo da Associação Civil La Tradición, quando sua verdadeira atividade era a de sacerdote e diretor do Seminário que a Fraternidade São Pio 10° possui na cidade de Moreno”. As relações entre os judeus e Dom Williamson parecem ir mal.

– Dom Williamson retratou-se de suas declarações – que provocaram mal-estar – sobre o Holocausto; no entanto, e nada surpreendentemente, os judeus não aceitaram. Segundo eles, “Williamson não se retratou de suas teses mentirosas sobre o Holocausto. Só lamentou que o que disse tenha gerado tanta polêmica”. Óbvio. O que mais Dom Williamson poderia ter dito? A censura judaica sobre a discussão histórica está ultrapassando todos os limites do tolerável. As relações entre os judeus e Dom Williamson parecem estar indo muito mal. Espero que esta tensão não seja elevada às instâncias superiores, e não comprometa as relações entre Israel e a Santa Sé. Afinal, Israel é maior do que alguns judeus birrentos; e a Igreja evidentemente não é Dom Williamson.

Anúncios

Read Full Post »

– Ainda sobre o homossexualismo: o Parlamento Português rejeitou – graças a Deus! – o “casamento gay”. A terra na qual apareceu Nossa Senhora de Fátima está oferecendo uma bonita resistência à degradação moral que se espalha pelo resto da Europa como uma praga. Que a Virgem de Fátima continue intercedendo pelos portugueses.

– O Diário de Pernambuco, talvez num surto de bom senso após as publicações vergonhosas de ontem, publicou hoje uma relevante reportagem que chama a atenção para o perigo ao qual as crianças estão expostas na internet. Diz a matéria que a “inocência ultrajada é realidade para 53% das crianças e adolescentes que, segundo pesquisa inédita, tiveram contato com conteúdos agressivos na internet”. Aproveito o ensejo para recomendar o blog Diga Não à Erotização Infantil.

– O Canadá vai condecorar (aliás, a esta hora, já deve ter condecorado) o dr. Morgentaler, “principal responsável para que, em 1988, a Suprema Corte do Canadá revogasse a lei que permitia o aborto somente após avaliação de uma comissão médica”. Vergonha. Que esperaça podemos ainda nutrir, quando os criminosos recebem homenagens públicas?

– Lembram dos jovens argentinos que valentemente defenderam a Catedral? Pablo, um deles, concedeu uma bonita entrevista cuja leitura vale muito a pena. Recomendo.

Read Full Post »

Belíssimo testemunho público da Fé Católica em Neuquén! Se as imagens revoltam pela fúria dos inimigos da Igreja, ao mesmo tempo reconfortam por mostrar que há jovens católicos dispostos a tudo sofrerem por Cristo Nosso Senhor. Eu vi no Notícias-Lepanto; e o vídeo longo (de dez minutos) bem merece ser assistido e divulgado aos quatro ventos, para que todos vejam a face perseguida da Igreja e a admirável paciência dos jovens argentinos (rezando impassíveis enquanto são agredidos).

No dia 17 [de agosto último], as manifestantes mais radicais, muitas delas lésbicas, fizeram uma marcha pelo centro da cidade, que a certa altura passaria em frente à Catedral. Previamente um grupo grande de pessoas, em sua maioria jovens, se colocou no átrio da Catedral para defendê-la de possíveis atentados como os que já haviam ocorridos em manifestações análogas.

[…]

As feministas, e também alguns homens, ao passar diante deles lançaram, aos jovens e à Igreja, as piores injúrias, provocando-os de todas as formas, inclusive cuspindo no rosto dos rapazes – como se vê no vídeo. Arrancaram deles uma grande faixa com as cores da bandeira argentina que os católicos portavam e a queimaram; praticaram ainda outras violências, mas os jovens ignoraram as provocações e continuaram rezando serenamente, o que os deu uma inquestionável superioridade, até que chegou a polícia e se interpôs entre os rapazes e as feministas, que acabaram retirando-se.

Basta comparar o desespero das feministas com a tranqüilidade da oração constante dos católicos para ver quem é que está com a razão e quem é que são os desequilibrados. Os jovens argentinos estão de parabéns. Bem-aventurados, pois são perseguidos; felizes, porque foram corajosos e se expuseram desta maneira em defesa de Nosso Senhor. O Altíssimo vê. E nós, rezemos pela Igreja; a fim de que Ela triunfe, e os Seus inimigos sejam humilhados.

Read Full Post »

Saiu no Catholic online:

* * *

Criança curada de Anencefalia pela intercessão da Virgem?

5/6/2008

Catholic News Agency (www.catholicnewsagency.com)

Alega-se que uma criança tenha sido curada de anencefalia por meio da intercessão da Virgem de Lujan. A mãe diz: “minha mensagem para todo mundo é que milagres existem, e Deus está sempre conosco”.

BUENOS AIRES (CNA) – A revista católica “Cristo Hoy”, da Argentina, publicou um artigo de uma mãe que confiou sua filha à intercessão de Nossa Senhora de Lujan por ela ter sido diagnosticada com uma doença incurável antes de nascer. A pequena garota, Lujan, tem hoje três anos de idade e leva uma vida normal.

Marcela é oculista e mãe de três filhos. No oitavo mês de sua última gravidez, os médicos descobriram que sua filha sofria de anencefalia, uma doença na qual o cérebro não se desenvolve normalmente. Marcela foi informada de que sua filha morreria em questão de dias após nascer.

“Quando eu fui levada para a sala de parto, rezei à Virgem de Lujan e decidi batizar a minha filha em homenagem a Ela, e a coloquei em Suas mãos. A Virgem de Lujan apareceu-me em pensamento e em meu coração durante estes momentos difíceis, e eu rezei a Ela fervorosamente pela minha filha”.

“Graças a Ela, eu tenho a minha filha comigo e ela é como qualquer outra menina da sua idade, sorrindo e amando a todos que encontra. De acordo com os médicos, ela tem uma deficiência no sistema nervoso, mas é todavia uma menina normal”, Marcela disse.

O caso da pequena Lujan continua sendo inexplicável para os médicos que a trataram. “Eles não podem explicar a melhora extraordinária de nossa filha. Hoje ela é uma garota normal, exceto pela hemiparesia no seu lado esquerdo”, disse a sua mãe.

Ela disse ainda que a doença da sua filha fez com que a sua família apreciasse mais a vida. “Eu agradeço a Deus todos os dias da minha vida pelo milagre que Ele realizou em minha filha”, ela disse.

“Quando nos deparamos com a brutal realidade de gerar um bebê com problemas, tudo ao redor começa a desmoronar, a esperança se desvanece, os pensamentos negativos assumem o controle, tudo por causa de quão frágeis esses pequeninos parecem ser. Mas você precisa rezar pedindo um pouco de força, ter esperanças e, através da oração, tentar superar este momento difícil”, Marcela declarou.

“Minha mensagem para todo mundo é que milagres existem, e Deus está sempre conosco”, ela acrescentou. “Eu posso testemunhar isso porque eu experimentei. Eu espero que, contando minha história, eu possa ajudar outras pessoas em sua fé”, disse por fim.

* * *

Comento eu: os céticos vão dizer – óbvio – que foi erro de diagnóstico. Ainda que tenha sido, este erro ia fazer com que uma menina saudável fosse assassinada no ventre da mãe! Importa respeitar a vida, desde a concepção até a morte natural. Afinal, nunca se sabe quando um milagre vai acontecer. Ou (na versão cética) quando um diagnóstico vai estar errado.

Read Full Post »